Record começa a proibir elenco de citar sites e mídias sociais em programas

Marcos Mion

Mais um vez a TV vai na contra mão da internet e acaba não sabendo aproveitar os benefícios  que um artista com presença forte na web por trazer de vantagem.

A rede Record na semana passada passou uma nova determinação para seu elenco : sites, blogs e mídias sociais como Facebook e Twitter não podem mais ser citados nos programas sem autorização prévia da direção da emissora.

 

A informação é da coluna Outro Canal, assinada por Keila Jimenez e publicada na Folha desta segunda-feira (26). A nova regra tem como objetivo vetar a divulgação na TV de qualquer ferramenta da internet que não tenha ligação direta com os produtos da Record. A determinação libera somente a divulgação de Twitter, sites e microblogs dos programas da casa.

A regulamentação vale também artistas não contratados do canal. Todos que forem participar de atrações da Record terão de pedir autorização se quiserem divulgar uma mídia social no ar.A novidade deixou alguns apresentadores descontentes, uma vez que muitos deles faturam alto com seus nomes na internet.

Há apresentadores que possuem contas pessoais de Twitter patrocinadas e com muitos anunciantes, como Marcos Mion.

Com essa medida a emissora acaba prejudicando seus contratados pois a base para conseguir faturar com anunciantes em mídias sociais é ter um número grande de seguidores, e promovendo seus endereços de twitter por exemplo o artista consegue conquistar mais seguidores, mas uma consequência que a Record não analisou é que artistas como Marcos Mion que tem uma grande força na web e também grandes amigos como Cid do Não Salvo,com isso ele consegue trazer audiência da web para o Legendários que é um programa multi plataforma.

Mais um vez a TV vai na contra mão da internet e acaba não sabendo aproveitar os benefícios que um artista com presença forte na web por trazer de vantagem.

Com informações da Folha.com

Deixe seu Comentario!

Email (Não será publicado) (Obrigatório)